terça-feira, 12 de outubro de 2010

SONHOS

Sonhos

Olhando a lua cheia
No silêncio da madrugada
Debruçada na janela,
Corpo cheio de desejos
Querendo amor, querendo ama.
Pergunto: Por onde anda você
Que me envia poemas
Que se perde no meu olhar
Que se contenta com sonhos
E não vem me buscar
Porque não desata as correntes
Que lhe prendem a este lugar
E vem comigo ficar
Preferindo tão somente me provocar
Quem brinca com fogo se queima
Quem brinca com água se afoga
Sou feita de carne e osso
Sou misto de fogo e água.
Estou viva
E quero da vida levar
O amor, a paixão, o tesão
Que só você pode dar

Nenhum comentário:

Postar um comentário