terça-feira, 12 de outubro de 2010

CANTO DE PAZ

Depois de ouvir as notícias, do repórter
Todos de tristezas, lágrimas, desgraças...
Altas horas da noite, fui dormir, mas o sono não veio,
Aí os pensamentos giram, giram........
Voam nas asas do vento
Corre mundo a fora
Levanto, olho pela janela, vejo a lua, estrelas
O mundo em silencio,
Minha cidade dorme
O BRASIL dorme,
Lua cheia, nostalgia no ar
Saudades, paz, amor, sonhos, muitos sonhos
Converso silenciosamente com Deus
Olho o céu estrelado, cintilante
Olho o universo, é noite ainda
Madrugada embalada pelo frescor do vento.
Converso com Deus;
Senhor dos senhores
Sei que está a me escutar,
Numa súplica solene lhe peço;
Salva este paraíso chamado terra
Num canto de paz senhor, imploro
Misericórdia para os que sofrem
O mundo está sofrendo,
Nos dê capacidade de perdoar
De amar o próximo,
Ensina-nos a orar, a pregar a sua palavra.
Abençôa senhor, a sua família aqui na terra.
Livra-nos daqueles que se acham - oa senhores da terra
No balanço das árvores
Na brisa do vento
No orvalho da noite
Sinto sua presença,
Ao abrir os olhos quando o dia amanhece,
Sinto a vida em mim
Sinto sua presença,
Me ensine a cantar um canto de paz,
Me ensine a falar, a escrever
Palavras de conforto, ânimo e amor.
Fortaleça minha alma.
Como uma bússola que guia um barco
Guia senhor, a minha vida
Todas as vidas
Guia senhor
O meu país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário