quinta-feira, 14 de outubro de 2010

SATIRIZANDO O TRÂNSITO

Saí do meu rancho, e fui pra cidade pra mode aresorver uns negocio particulá, pessoá. Poizé, já fazia tanto tempo que eu não saia de lá, que atá estranhei o pogresso da cidade, fiquei mermo abestalhado cum tanto artomóvel rodando pela rua, uns bichão anssim bem deferente num sabe, de tudo que é cor e tipo, to pasmo. Mas adespois de aresover as coisas que pricisava, juntei cum amigos antigos, veio iguale eu e botamos pra conversá, e els me falaram dumas istorias anssim de muitristeza, que tem contecido muitu cidente de carro, coisa feia mermo. E óia que eu num gostei de saber não viu! As tais istoria, tanta disgraça, morte de jovem......, muitriste isso. Cá pra nois esse pessoá que pensa que volante de carro tem miolo, iguale nossa cachola, tá errado, carro num pensa, o motorista tem que bota maistenção na istrada ué. pravocevê onde passa, vai devagarinho uai, é mais mió proces, ponde inté chegá trasado, mais chega né! Gente malucada essa, eu hem! Vamo preservá a vida, tê mais coidado, num corrê, num dirigi pinguçado, nem usar outras drogas, senão acabam transformando a vida de vosmices e dosoutros, num inferno só.
Arreparei tambem, gente andando no meio da rua, ta errado caramba! O lugar de oces é na carçada, credo.! Mas ne ieu que sô uma besta guinorante lá do meio do mato, sei disso uai. vosmices num sabe!? Ô lugá de nois passá é na carçada, e não no meio da rua, cambada de burro. ô gente guinorante, essa da cidade, fas tudinho errado. Ò só, tem té carroça de burro andando no meio dos artomóvel,pode! Ah! Mais num pode não. Cadê as artoridades no assunto de trânsito? O delegado, os policiá, o prefeito. Cadê oces que num vê isso, tem que tê solução, fazê campanha de educação no trânsito.......,essa gente que istuda tanto, num sei pra quê, intendê qui tem qui dirigi cum conciencia. Eta palavra bonita essa né! Conciencia. Mais ten gente qui num sabe que isto naum. eu cá nem tenho istudi ninhum cumo oces, sei o qui é. Intão vão procurá um professô, qui ieu num sô naum. Oces qui andam pela rua, prestenção nu movimento, e oces aí com essis carrão muderno e até os veio mermo tambem prestenção na velocidade. Vamu tê mais cuidado gente!. A vida é uma só. Nóis num tem 7 vida qui nem gato naum.
Vamu arespeitá o dereito de cada um , pra mode vivê mió, né mermo!
paz no trânsito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário