segunda-feira, 11 de novembro de 2013

A CASINHA

Me vejo nessa casinha amarelinha Do tempo da minha vó, Com janelas branquinhas Refletindo meu sol Me vejo na janela A noite com meu amor Vendo a lua nascer Prateada, esbranquiçada Saudando nosso amor Me vejo nessa varanda Sentada a observar Lindo lírios no jardim E rosas a brotar Imagino dentro dela Eu e você Na nossa cama Nossos corpos suados Deixando o amor acontecer.

Um comentário: