terça-feira, 8 de abril de 2014

MEUS *EUS*

Numa tarde de sol brando e eu ali parada
Aguardando o trem chegar, ansiosa estava
O relógio parecia não andar, coração acelerava
E eu ali fingindo calma, a esperar....
Aquele moço bonito por quem meu coração batia forte
O trem chegou na estação trazendo o meu amor
Belo no seu jeito especial de ser.
Descia as escadas na sua elegãncia e me sorria
Feliz fiquei de ter esse moço bonito e cheio de charme
Ali comigo, olhos brilhando, me cumprimentando
Com um beijo doce e suave
Damo-nos as mãos e saímos passeando...... felizes
E assim começou um romance entre nós
Ele ia embora e eu ficava ali, na doce esperança da volta
E ele sempre voltava........e voltava...... ai.
E a cada volta era como se despedisse de mim.
Cada momento era único
Eu evitava as expectativas para não sofrer
Deixava-o sempre ir, nunca sabia se voltava
Sofria....., mas aprendi a descansar a cada partida
Algo me diz que ele vai embora, sinto assim
Uma águia não se prende na gaiola
Deixo-o partir, vôar mundo a fora
E eu ficarei aqui, na eterna saudade
Desse moço elegante, que fez bater meu coração
Um dia talvez... quem sabe.... a gente se encontre
Um dia quem sabe! O trem o traga de volta....
Mas eu fico aqui com meus EUS........
Meus EUS.... meus AIS........
Minhas saudades.......meus suspiros.....
Minhas lembranças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário